quarta-feira, 19 de setembro de 2012

A OBSCENIDADE DO DINHEIRO



Os objectivos dos poderosos do mundo financeiro (capitalistas e neo-liberais) são idênticos aos de Coelho, Gaspar, Relvas & Companhia. A diferença é que os diversos "Mitt Romney's" americanos (e não só) são uns parvalhões obscenos e imorais milionários, enquanto os nossos governantes não passam de uns parvalhões obscenos, incompetentes e ridículos que, apesar de terem mais dinheiro disponível do que a esmagadora maioria do povo português e de não sofrerem a austeridade que nós sofremos, não dispõem do dinheiro que os outros arranjam, embora não deixem de ser seus lacaios…

Eis um vídeo em que Mitt Romney foi apanhado, sem o saber, a criticar metade dos contribuintes americanos:


“Há 47% de eleitores que vão votar no Presidente aconteça o que acontecer. São 47% que estão com ele, que dependem do Governo, que acreditam que são vítimas, que acreditam que o Governo tem a responsabilidade de cuidar deles, que têm direito a cuidados médicos, a comida, a casa, a tudo o que imaginarem, que isso são direitos adquiridos e que o Governo tem de garantir-lhes. E eles votarão no Presidente, em qualquer caso”, diz Romney, acrescentando que estas pessoas são as que “não pagam impostos”. Por isso, “o meu trabalho não é preocupar-me com essas pessoas, porque nunca irei convencê-las de que devem assumir responsabilidades e tomar conta das suas vidas”, conclui.

Nesta linha de raciocínio, Romney considera que a sua missão é convencer os cinco a dez por cento de eleitores independentes. Porém, nem estes escapam à crítica do candidato republicano que, num outro segmento da conversa, também gravado em vídeo e publicado num trecho à parte, se refere aos independentes dizendo que a campanha dele não foi tão dura com Obama como este tem sido com a dele porque há eleitores que ainda gostam e apoiam o adversário. "Como votaram nele [Obama], eles não querem que lhes digam que estão errados, que ele é mau, fez coisas erradas e que é corrupto". (Público online)


2 comentários:

Miguel Loureiro disse...

Também meti o vídeo (outro) no post agendado para mais logo.
É tudo da mesma raça!

Anónimo disse...

Tudo bem mas deixem o nosso bacalhau de fora disso…

Divulguem…
ASSINEM Petição PELO NOSSO BACALHAU
http://www.avaaz.org/en/petition/Do_not_approve_added_phosphates_in_salted_Cod_products/?eWxtJbb

Bacalhau com fosfatos a partir de 2013 – Expresso.pt
http://expresso.sapo.pt/bacalhau-com-fosfatos-a-partir-de-2013=f752890#commentbox